CORRIDA - Maringá confirma a sua primeira Maratona Internacional
21/12/2017 - 11h38 em Atletismo

Orlando Gonzalez

Um evento gigantesco vai acontecer em Maringá em 2018. E o esporte da Cidade Canção vence mais uma vez. É que foi oficializado no fim da tarde de terça-feira (19), na sala de reuniões do gabinete do Prefeito de Maringá, a Maratona Internacional de Maringá, já definida para ocorrer no dia 29 de janeiro, por ruas e avenidas da cidade. A prova principal será de 42km, mas também serão realizadas corridas de 5km, 10km e 21km. O evento vai reunir competidores de Maringá, do Paraná, de outros estados e até do exterior. E o prefeito Ulisses Maia, presente no lançamento do evento, quer que a Maratona Internacional seja coroada de sucesso e, por isso, exige o comprometimento de todos os envolvidos, que inclusive há alguns dias já tratam da competição. A Maratona Internacional de Maringá tem tudo para se transformar em uma das principais provas do sudeste do Brasil.

 

O lançamento da Maratona, no paço municipal, contou ainda com as presenças dos vereadores Mário Verri, Flávio Mantovani e Jean Marques, do secretário de Esportes e Lazer de Maringá, Valmir Fassina; diretor da Secretaria de Mobilidade Urbana (SEMOB), Marcelo Filite; presidente da Associação dos Corredores de Rua de Maringá, José Jorge e um grande número de integrantes dos clubes de corrida de Maringá.

 

É claro que, pela motivação de todos ao fato de Maringá realizar a sua primeira maratona, e internacional, o que não falta é disposição em buscar o padrão eficiência. E a partir de agora, tanto organizadores como competidores maringaenses vivem o clima de ´contagem regressiva´ para a Maratona.

 

Sinal de que muitas ´conversas´ e definições serão estabelecidas. Aliás, na questão organizacional a Secretaria de Esportes e Lazer de Maringá tem know-how. Conta com profissionais que já atuam há anos em edições da Prova Rústica Tiradentes, e que participam como voluntários em vários eventos nacionais.

 

A largada da Maratona Internacional de Maringá será no antigo aeroporto Gastão Vidigal, e os atletas ainda vão passar por pontos turísticos como Parque do Ingá, Catedral e Teatro Calil Haddad.

 

O prefeito Ulisses Maia, no início de seu discurso informal, valorizou a presença dos corredores de rua. Segundo ele, a Prova Tiradentes em seu começou não reuniu um número tão significativo de pessoas como no encontro para tratar da Maratona.

 

“A corrida vai acontecer porque vocês estão fazendo a diferença. Vamos realizar essa Maratona pelo esforço de vocês. A prefeitura vai investir. E acredito que uma maratona bem organizada, bem divulgada, que é certeza de retorno. Só na quantidade de pessoas que vamos receber em restaurantes, hotéis e lanchonetes já paga o investimento da prefeitura. Nós reconhecemos o esporte e a cultura como áreas importantes. E, além disso, a prefeitura tem que investir no bem-estar da população”, disse Maia.

 

Ainda no encontro, o prefeito se estendeu sobre outros eventos esportivos da cidade. Destacou as pistas de caminhada do Parque do Ingá e Bosque 2 serão de ótima qualidade. “Vamos fazer algo sensacional, como o asfalto da avenida Cerro Azul (Zona 2). Serão pistas profissionais no entorno, por completo, do Parque do Ingá e do Bosque 2”.

 

O prefeito também anunciou que o CSU vai passar por reformas, aproveitando parte da verba de uma emenda do deputado federal Ênio Verri, e que as piscinas da Vila Olímpica serão aquecidas, assim como dos demais centros esportivos.

 

Sobre a Prova Rústica Tiradentes, adiantou que não haverá cobrança de ingresso aos participantes, e lembrou que as associações esportivas de Maringá terão o orçamento dobrado a partir de 2018. O valor total pulou de 2 milhões para 4 milhões e 700 mil reais.

 

Depois, o prefeito assinou o termo de uso da pista de atletismo do Estádio Willie Davids para as atividades da Acorremar, tirou fotos com a equipe Acorremar, agradeceu aos presentes e deixou o evento para tratar de questão familiar. Assim, o secretário Fassina e dos vereadores Mário Verri e Flávio Mantovani ficaram à frente do encontro, ressaltaram mais alguns pontos importantes da Maratona, ouviram alguns questionamentos, e a reunião da oficialização da Maratona Internacional de Maringá se encerrou. Mas reuniões sobre a Maratona, a partir de agora, serão rotina. Na próxima quarta-feira, na Secretaria de Esportes e Lazer de Maringá, ocorre novo encontro entre organizadores e corredores de rua.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!