CATARINENSE - Joinville vence o Concórdia
10/02/2018 - 21h07 em Futebol - Campeonato Catarinense

Sem sofrer sustos, o Joinville venceu o Concórdia na tarde deste sábado de carnaval pelo placar de 1 a 0 pela sétima rodada do Campeonato Catarinense. O meia Murilo Rangel anotou o único gol da partida no início da segunda etapa, completando o bom passe de Madson.

 

Com o triunfo, o JEC chega aos 12 pontos na tabela de classificação e pula momentaneamente para a terceira colocação. O Avaí ainda pode ultrapassar o Coelho, mas completa a rodada contra o Tubarão apenas na segunda-feira.

 

O JOGO

O início de partida foi morno. As duas equipes tocaram bastante a bola, em um duelo muito estudado e lutando contra o forte calor. Com 17 minutos, Michel Schmoller arriscou de fora da área e a bola saiu pelo lado direito do gol de Carlão.

 

Poucos minutos depois, Alex Ruan fez um arremate de muito longe e não deu trabalho ao goleiro adversário. A primeira grande chance do jogo só viria realmente aos 26 minutos, outra vez com o JEC. Thiago Alagoano rolou para Michel Schmoller, que cruzou na área, Madson cabeceou forte e Carlão fez uma boa defesa.

 

O Concórdia tentou aproveitar um contra-ataque, mas Romarinho mandou para fora. Aos 37 minutos, Thiago Alagoano matou a bola bonito no peito, deixou o marcador para trás e finalizou na saída do goleiro, que conseguiu realizar outra grande defesa.

 

E no fim da primeira etapa, aos 44 minutos, Murilo Rangel cobrou a falta na área e Alagoano cabeceou para o gol, mas mais uma vez Carlão operou um milagre, garantindo o zero no placar no intervalo.

 

Na volta para o segunda etapa, o JEC foi mais incisivo. Logo aos 5 minutos, Grampola recebeu na entrada da área, driblou o marcador e chutou forte de pé esquerdo, rente a trave do Galo do Oeste. Aos 12, veio o único gol da partida. Alex Ruan lançou Madson em velocidade pelo lado esquerdo, o camisa 8 dominou e cruzou rasteiro na entrada da pequena área, e Murilo Rangel só teve o trabalho de tirar do goleiro e empurrar a bola para a rede: 1×0 Tricolor.

 

Um minuto depois, Grampola completou cruzamento de sola e quase ampliou. Aos 20, Michel Schmöller tocou para Grampola, que deixou Madson na boa na meia-lua, mas o chute do meia-atacante chutou nas mãos do goleiro Carlão.

 

Aos 30 minutos, Murilo Rangel cobrou escanteio da direita, Lazio subiu mais do que a defesa do Concórdia e cabeceou firme, mas a bola explodiu no travessão adversário. Daí em diante, o JEC soube ter paciência para tocar a bola e fazer o relógio correr, sem oferecer nenhuma chance clara de gol ao adversário durante toda a partida. Fim de jogo: Joinville 1×0 Concórdia.

 

Após o duelo, o técnico Rogério Zimmermann elogiou bastante a postura e inteligência dos atletas tricolores na vitória. “Foi nossa melhor partida taticamente falando até aqui, o Concórdia vinha de dois bons resultados e veio bem fechado. Foi um jogo muito tático, dei os parabéns para os jogadores por esse entendimento. Às vezes você não faz uma partida de encher os olhos, mas o mais importante foi essa vitória e temos que valorizá-la”, analisou.

 

O JEC volta a campo na próxima quarta-feira, contra o Criciúma, fora de casa. O JEC volta a campo na próxima quarta-feira, contra o Criciúma, fora de casa. (Foto: JoinvilleOficial)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!