Prefeitura de Maringá cria Comitê Organizador dos Jogos Universitários Brasileiros 2018
07/03/2018 10:20 em Jogos Universitários

 

O prefeito de Maringá, Ulisses Maia, e o vice, Edson Scabora, recepcionaram na manhã desta terça, 6, dirigentes da presidente da Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU) para dar sequência aos entendimentos técnicos para realização em Maringá da fase final dos Jogos Universitários Brasileiros (Jub´s), que serão disputados na cidade de 4 a 11 de novembro.

 

O secretário de Esportes (Sesp), Valmir Fassina, o secretário de Desenvolvimento Econômico e Inovação (Seide), Francisco Favoto, e o secretário de Cultura, Rael Tofolo, participaram da reunião, além de diretores de diversas outras secretarias envolvidas na organização do evento. Durante a reunião, foi criado comitê que atuará em parceria com integrantes da CBDU para avançar na organização dos jogos. O presidente do Maringá e Região Convention & Visitors Bureau, Alysson Thomasi também participou.

 

“Não tenham dúvida que Maringá vai organizar a melhor edição na história dos jogos universitários”, disse o prefeito Ulisses Maia ao presidente de CBDU, Luciano Cabral, que lidera equipe de diretores da entidade numa última vistoria das instalações esportivas da cidade. A Vila Olímpica será ponto de referência para o jogos. A abertura oficial será dia 5 de novembro.

 

Estima-se que os jogos movimentem cerca de R$ 15 milhões, considerando um gasto médio diário por atleta (cerca de 3 mil) de R$ 500. A confederação vai investir cerca de R$ 6 milhões na organização dos jogos. Parte desses recursos será gasto com alimentação (cerca de 20 mil refeições diárias) e hospedagem, com a aquisição de cerca de 20 mil diárias durante a realização dos jogos. 

 

Os números levam em consideração a última edição dos jogos, realizado ano passado em Goiânia. “Trabalhamos para que os participantes do jogos, especialmente os atletas, tenham a melhor experiência esportiva e usufruam do melhor que a cidade tem a oferecer”, afirma Luciano Cabral, que elogiou a infraestrutura esportiva da cidade. “Ainda vamos fazer ajustes para atender algumas demandas”, disse Valmir Fassina.

 

A competição será é disputada em 20 modalidades, como Badminton, Basquete 3×3, Judô, Atletismo, Natação, Vôlei de Praia, Tênis, Tênis de Mesa, Xadrez, Basquetebol, Futsal, Handebol, Voleibol e JUBs Acadêmico, além de esportes eletrônicos, como o jogo Fifa 2017, Natação e Tênis de Mesa Paradesportivos. As novidades desta edição são o Taekwondo, League of Legends nos esportes eletrônicos e Atletismo Paradesportivo. 

 

O skate, agora esporte olímpico, deve ser incluído na grade dos jogos. O presidente da Confederação Brasileira de Skate, Bob Burnquist, o Mineirinho, virá a Mairngá em data ainda não definida para avaliar a estrutura disponível para a prática do esporte. A partir desta avaliação será definida a inclusão do skate nos Jub´s. Mineirinho é uma referência do esporte. Entre outros feitos, é recordista em pódiuns do X-Games, a olímpiada dos esportes radicais. (Carlos Pedroso/PMM. Foto: Vivian Silva)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!